Tem dúvida se ficar muito tempo em pé causa varizes?

por

Ficar muito tempo em pé causa varizes? Quem trabalha muito tempo em pé vive constantemente com esta inquietação na cabeça.

A dúvida surge também por conta das dores e inchaços nas pernas, que costumam acompanhar quem permanece por longos períodos em pé.

Professores, dentistas, vendedores, balconistas, entre outros profissionais, estão no grupo de trabalhadores que podem acabar criando um quadro de varizes ou piorando as já existentes por conta da posição em que trabalham.

A boa notícia é que é possível amenizar os riscos.

Veja neste artigo.

 

Como o sangue circula

Para entender porque ficar muito tempo em pé causa varizes é preciso conhecer o mecanismo de circulação do sangue.

O coração bombeia, por meio das artérias, o sangue para todo o corpo, que volta para o coração por meio das veias.

É fácil imaginar que o caminho de volta vai contra a gravidade, o que dificulta a chegada do sangue ao coração.

Mas, então, como acontece esse retorno?

O corpo humano tem seus artifícios para ajudar neste processo, entre eles a importante função da panturrilha, que bombeia o sangue pelas veias até o coração.

E quanto mais a pessoa se movimenta, mais eficaz é este bombeamento.

A própria respiração é aliada neste processo, já que a expiração gera uma pressão no tórax capaz de puxar o sangue veia acima.

A pressão exercida sobre o sangue é maior à medida que o corpo fica ereto e parado.

Logo, na pessoa que fica em pé e sem se movimentar muito, o sangue tem maior dificuldade para retornar ao coração em comparação com quem fica mais tempo em outras posições e se movimentando.

 

Como surgem as varizes

As varizes são formadas a partir da dilatação das veias das pernas, que não conseguem mais levar com eficácia o sangue de volta ao coração.

Geralmente, elas têm essa função prejudicada por conta de problemas nas válvulas, que existem para que o sangue drible a gravidade e siga apenas o caminho de retorno ao coração, e não o contrário.

Se as válvulas não dão conta de impedir que o sangue mude de direção, o sangue acaba ficando preso e exercendo pressão na parede da veia. Pronto, aí estão formadas as varizes.

 

Afinal, ficar muito tempo em pé causa varizes?

Agora que explicamos como o sangue circula pelo corpo, dá para entender mais facilmente que ficar parado em pé é um prato cheio para o surgimento das varizes.

O risco é maior ainda para quem já tem histórico na família, pois a genética é um fator muito relacionado ao aparecimento do problema.

Os sedentários também entram na lista de mais propensos a desenvolverem varizes.

 

movimentar-se ajuda a combater a varize

A importância da prevenção

Que as varizes incomodam, quem as tem sabe muito bem. Mas há formas de prevenir o problema.

Movimentação

Movimente-se sempre que possível. Se o trabalho exige que fique em pé, quando possível tire uns cinco minutos para dar uma caminhadinha rápida.

Exercícios

Os sempre indicados exercícios para a melhora da saúde num todo também devem ser levados em conta na prevenção das varizes. E nem precisa de grande esforço. Leves caminhadas periódicas já surtem efeito.

Posições

Além de tentar evitar ficar muito tempo em pé, é preciso evitar ficar longos períodos sentado na mesma posição. A rega é sempre a mesma: mexa-se.

Meias de compressão

As meias de compressão são grandes aliadas no combate a varizes. A pressão que elas fazem sobre a panturrilha ajuda no bombeamento do sangue. A força da pressão exercida vai depender do tipo da meia, se é de leve, média ou de alta pressão.

meias de compressao sao indicadas para quem fica tempo em pe

Elevar os pés

Sempre que possível, de preferência depois de um dia inteiro em pé, coloque os pés para cima e simplesmente relaxe.

Sempre consulte um médico

Para prevenir e/ou para tratar, é sempre recomendável ter o acompanhamento de um médico especialista na área.

É importante ter em mente que as varizes podem evoluir para uma trombose venosa (coágulo de sangue), que, se não tratada adequadamente, pode causar embolia pulmonar.

Não deixe o problema se agravar e, ao primeiro sinal das varizes,  já marque uma consulta para ter as melhores recomendações a respeito do tratamento.

Aproveite e compartilhe o artigo com seus amigos e familiares.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *